Antifurto (MIN185)

Este circuito aciona uma cigarra ou um oscilador quando os sensores X1 ou X2 são interrompidos e com ele podemos fazer a proteção de portas, janelas, objetos, cercas, etc. O circuito é muito simples e bastante eficiente, servindo inclusive para a proteção de todas as portas e janelas de uma residência.

O princípio de operação é simples: quando qualquer dos sensores (X1, X2 e outros que podemos acrescentar) é interrompido, o SCR é polarizado ao ponto de disparar via corrente que atravessa E1 e D1. Nestas condições, a cigarra, buzina ou mesmo outro dispositivo de aviso é acionado. Mesmo que o intruso perceba a ação do alarme e tente refazer a ligação do sensor, ele permanece disparado.Para rearmar é preciso desligar e ligar novamente a alimentação.

Cigarras potentes podem ser usadas, buzinas ou mesmo relés para acionamento de sistemas ligados à rede de energia.

Na figura 1 temos o circuito completo do alarme e na figura 2 a sua montagem numa ponte de terminais.

 

Figura 1 - Diagrama do alarme
Figura 1 - Diagrama do alarme

 

Figura 2- Montagem em ponte de terminais
Figura 2- Montagem em ponte de terminais

 

O SCR é o TIC106 e o radiador será necessário se a carga tiver corrente maior que 200 mA. O diodo pode ser o 1N4148. O resistor determina o consumo em repouso.

Os sensores consistem em pedaços de fios muito finos enlaçados nos pontos de proteção.

 

SCR- TIC106 - diodo controlado de silício

D1- 1N4148 - diodo de uso geral

R1 - 100 k Ω x 1/8 W- resistor (marrom, preto, amarelo)

B1- 6 a 12 V - bateria ou fonte

S1- Interruptor simples

Diversos: ponte de terminais, fios, solda, etc.


Opinião

Novos tempos (OP213)

O mundo mudou. Depois da pandemia e também da guerra na Ucrânia o mundo será outro. Estamos presenciando e percebendo isso. Já não somos mais os mesmos.

Leia mais...

Localizador de Datasheets e Componentes


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Podcast INCB Tecnologia