Pré-Amplificador Para Cápsulas de Relutância Variável (V019)

Escrito por Newton C Braga

 

As cápsulas de relutância variável possibilitavam a melhor qualidade de reprodução para os discos nas décadas de 50 e 60, quando este tipo de aparelho alcançou seu auge. O que levamos aos leitores é um pré-amplificador para este tipo de cápsula, encontrado em equipamentos comerciais.

 

 

O circuito deve ser alimentado por uma fonte com excelente filtragem e tensão de 80 a 100 V. Como a intensidade do sinal da cápsula é muito pequena e a válvula é de alta impedância de entrada, todo cuidado é pouco para se evitar a captação de zumbidos.

O circuito tanto pode fazer parte de um amplificador de potência como montado separadamente para funcionar com um toca-discos que possua este tipo de cápsula, o que ocorre com muitos colecionadores. Na figura 1, o circuito completo do pré-amplificador que usa um duplo triodo 6SC7.

Lembramos que a tensão de filamento para a válvula é de 6,3 V podendo ser obtida do próprio transformador com o qual este circuito vai operar.

Figura 1 – Diagrama completo do pré-amplificador.