O Site do Hardware Livre - OSHW

Medidor de Isolamento (INS560)

O instrumento que descrevemos faz testes com alta tensão para detectar problemas de isolamento em transformadores e eletro-eletrônicos. O circuito é alimentado por pilhas, mas usa um inversor para obter tensões acima de 600 V para o teste.

Problemas de isolamento são perigosos para eletro-eletrônicos ligados à rede de energia, pois podem causar choques perigosos.

O circuito que descrevemos mede resistências muito altas usando alta tensão obtida de um pequeno circuito inversor.

Desta forma, sua alimentação pode ser feita com pilhas comuns e a indicação feita tanto por um microamperímetro como pela escala mais baixa de correntes de um multímetro comum.

O inversor usa um transformador comum de 200 a 300 mA e todos os demais componentes são de fácil obtenção.

Com o uso de um triplicador de tensão, a tensão de prova atinge valores muito elevados, chegando aos 600 V.

 

Montagem

Na figura 1 temos o diagrama completo do medidor de isolamento.

 

Figura 1 – Diagrama do medidor de isolamento
Figura 1 – Diagrama do medidor de isolamento

 

Para uma versão simples, a montagem pode ser feita numa ponte de terminais com a disposição de componentes mostrada na figura 2.

 

Figura 2 – Montagem em ponte de terminais
Figura 2 – Montagem em ponte de terminais

 

Uma montagem melhor pode ser feita numa placa de circuito impresso com a disposição de componentes mostrada na figura 3.

 

   Figura 3 – Montagem em placa de circuito impresso
Figura 3 – Montagem em placa de circuito impresso

 

Qualquer pequeno transformador com primário de 220 V e secundário de 9 a 12 V com corrente entre 200 mA e 300 mA pode ser usado.

Alterações das dimensões da placa podem ser necessárias em função do tamanho do transformador.

O valor de C2 pode eventualmente ser mudado para se obter maior rendimento do circuito.

Na montagem, observe as posições dos transistores e dos diodos.

Os capacitores de C4 a C7 devem ter tensões de trabalho de pelo menos 400 V.

Os resistores são todos de 1/8 W com qualquer tolerância e o microamperímetro tem fundo de escala de 100 a 200 µA.

Pode ser utilizado um multímetro analógico comum na escala mais baixa de correntes.

 

Q1, Q2 – BC548 ou BD135 – transistores NPN

D1 a D4 – 1N4004 ou 1N4007– diodos retificadores

T1 – Transformador – ver texto

B1 – 3ou 6 V – 2 ou 4 pilhas

M1 – Instrumento indicador – ver texto

S1 – Interruptor simples

R1, R2 – 1 k Ω – resistores – marrom, preto, vermelho

R3 - 1M5 Ω- resistor – marrom, verde, verde

P1 – 1 M – trimpot

C1, C2 – 47 nF – capacitores de poliéster ou cerâmicos

C3 – 470 nF – capacitor de poliéster ou cerâmico

C4, C5, C6, C7 – 470 nF – capacitores de poliéster para 400 V ou mais

X1, X2 – pontas de prova

 

Diversos:

Ponte de terminais, caixa para montagem, suporte de pilhas, fios, solda, etc.

 

BUSCAR DATASHEET

 


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

 

Opinião

As Atividades do Momento (OP193)

Tivemos duas semanas cheias com lançamentos de livros, eventos, entrevistas e encontros importantes que certamente reverterão em benefícios para aqueles que nos acompanham, tanto no nosso site como em nosso canal de vídeo. Começamos pela entrevista dada ao Luis Carlos Burgos do site Burgos Eletrônica em que falamos um pouco de nossa vida profissional e de nossas pretensões para o futuro.

Leia mais...

Política
O maior castigo para aqueles que não se interessam por política é que serão governados pelos que se interessam
Arnold Toynbee - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)