O Site do Hardware Livre - OSHW

Rádio transistorizado como amplificador (ART535)

Quem não tem um rádio portátil AM ou FM de baixo custo? Mesmo os que não possuam este aparelho podem adquiri-lo a preços muito baixos, o que os torna acessíveis a todos. Mas, o importante é que um radinho deste tipo pode ser usado como amplificador de prova para a bancada, seguidor de sinais, ajudando em muitos projetos e teste de componentes como microfones e osciladores. Veja como fazer isso neste artigo.

A adaptação que leva um radinho transistorizado comum de 2 ou 4 pilhas a funcionar como amplificador de prova é muito simples.

O que vamos fazer é acessar o amplificador de áudio que todo rádio possui e fazer uma entrada adicional externa para utilizar na prova de componentes e circuitos.

São necessários muito poucos componentes externos: um capacitor para isolar o circuito de entrada e um jaque ou par de fios com garras para a entrada dos sinais.

Na figura 1 mostramos que a adaptação é feita no controle de volume do rádio que passa a funcionar como controle de volume do amplificador.

 

Adaptação para o controle de volume do amplificador.
Adaptação para o controle de volume do amplificador.

 

Para usar, basta colocar o rádio fora de estação e aplicar o sinal na entrada através de fio blindado com duas garras em suas pontas.

Na figura 2 mostramos a adaptação feita num rádio dotado de controle de volume com potenciômetro miniatura fixado na própria placa de circuito impresso, o que ocorre com a maioria dos tipos comuns.

 

A adaptação feita fisicamente.
A adaptação feita fisicamente.

 

Na figura 3 mostramos a adaptação feita num rádio que usa um potenciômetro de volume de tipo diferente.

 

A mesma adaptação feita no potenciômetro.
A mesma adaptação feita no potenciômetro.

 

Nas duas configurações, levando em conta que o rádio tem o negativo à massa, a polaridade do capacitor deve ser observada.

Se for um rádio com positivo à massa, a polaridade do capacitor deve ser invertida.

A impedância de entrada do amplificador depende basicamente do valor do potenciômetro de volume do rádio.

Normalmente, esta impedância é de 10 k ?.

Poderemos utilizar este circuito como um excelente seguidor de sinais e, para provas de RF, basta ligar em série com a entrada um diodo de germânio como o 1N34 ou 1N60.

 

 

C1 - 10 µF x 12 V - capacitor eletrolítico

J1 - Jaque de entrada de acordo com as possibilidades de adaptação da caixa do rádio

 

Diversos:

Fio blindado, garras jacaré, fios, solda, etc.

 

BUSCAR DATASHEET


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Opinião

Mês de Muito Trabalho (OP197)

   Estamos em setembro de 2018 e continuamos com nosso trabalho, realizando palestras, viagens, escrevendo artigos, livros e muito mais. Em nossas duas últimas palestras, uma na Uninove e a outra na ETEC Albert Einstein, ambas de São Paulo, pudemos constatar de forma bastante acentuada um fato importante , que constantemente salientamos em nosso site desde seu início. 

Leia mais...

Tímido
O tímido chama-se cauteloso, o avarento parcimonioso. (timidus vocat se cautum, avarus parcum.)
Publício Siro (sec. 1 a.C.) - Sentenças - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)