NOSSAS REDES SOCIAIS -

Pré Para Guitarra (ART2078)

O pequeno nível dos sinais fornecidos pelos 'transdutores de guitarras e violões nem sempre consegue excitar convenientemente um amplificador. Por este motivo, não se obtém o máximo volume e isso não é conveniente para o leitor que deseja ter o som pesado que caracteriza os modernos conjuntos musicais.

A solução para o problema está na utilização de um pré-amplificador entre o violão ou guitarra e o amplificador.

O pré-amplificador aumenta a intensidade do sinal permitindo que ele excite convenientemente o amplificador e assim tenhamos o máximo de volume.

O circuito que apresentamos usa um único integrado e tem ganho que chega a 20 dB podendo operar tanto com captadores de baixa como de alta impedância. Sua alimentação a bateria, com um consumo muito baixo de energia permite que ele seja levado em qualquer parte, e instalado a qualquer momento em qualquer amplificador.

 

CARACTERÍSTICAS

  • Tensão de alimentação: 9 V
  • Ganho: até 20 dB
  • Corrente consumida: 2 mA (aprox.)
  • Nível de sinal de saída: até 4,5 V rms

 

A base do circuito é um amplificador operacional com transistores de efeito de campo de entrada do tipo 3140. Este integrado se caracteriza pelo excelente ganho e impedância muito alta de entrada.

O ganho do circuito é dado pela relação de valores entre R2, R1 e P1 além de C1.

Podemos variar sensivelmente este ganho através de P1 que tanto pode ser um trimpot como um potenciômetro dependendo do tipo de atuação desejada pelo leitor.

Para evitarmos o uso de fonte simétrica empregamos um divisor resistivo formado por R4 e R5 que permite obter assim 0 volt em relação a +4,5 e -4,5 V de uma bateria de 9 V.

Os capacitores C3 e C4 fazem a Filtragem e desacoplamento da fonte simétrica. O isolamento do circuito de entrada é feito por meio de C2 enquanto que R3 serve para polarizar o integrado.

Na figura 1 damos o diagrama completo do pré-amplificador.

 

   Figura 1 – Diagrama completo do pré-amplificador
Figura 1 – Diagrama completo do pré-amplificador

 

A disposição dos componentes numa placa de circuito impresso é mostrada na figura 2.

 

Figura 2 – Placa para a montagem
Figura 2 – Placa para a montagem

 

Sugerimos a utilização de um soquete DIL para o integrado. Os resistores são todos de 1/8 ou 1/4 W com 5 a 20% de tolerância enquanto que os eletrolíticos são para 6 V ou mais. C2 é um capacitor que tanto pode ser cerâmico como de poliéster.

P1 pode ser um trimpot ou potenciômetro e para as entradas e saídas de sinais são usados jaques RCA.

Dada a sensibilidade do circuito sugerimos a utilização de uma caixa metálica que será conectada ao 0 V da fonte. Os cabos de entradas e saídas de sinal devem ser blindados.

A alimentação vem de uma bateria de 9 V devidamente conectada através de um clip apropriado.

Para provar, basta ligar a guitarra na entrada (J1) e a saída (J2) através de um cabo à entrada do amplificador.

Ajustamos então P1 para obter o ganho máximo sem distorção.

Comprovado o funcionamento é só usar o aparelho, não esquecendo de desligar S1 sempre que estiver fora de uso.

 

CI-1 - CA3140 ou TL081 - circuito integrado

S1 - interruptor simples

B1 - 9 V - bateria

P1 - 100 k ohms. - trimpot ou potenciômetro

J1 e J2 - iaques RCA

 

Capacitores

C1 - 10 uF x12 V - eletrolítico

C2 - 100 nF - cerâmico ou poliéster

C3 e C4 - 47 uF x 6 V - eletrolítico

 

Resistores: 1/8 ou 1/4 W

R1 - 4,7 k ohms

R2 - 100 k ohms

R3 - 1 M ohms

R4 e R5 - 27 k ohms

 

Diversos:

Placa de circuito impresso, soquete DIL de 8 pinos para o integrado, caixa para montagem, fios blindados, conector para bateria, fios, solda, etc.

 

BUSCAR DATASHEET

 


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

 

Opinião

Chegada de novos tempos (OP205)

As primeiras indicações que uma volta a normalidade deve começar a ocorrer em breve anima muitas pessoas. De fato, estamos vislumbrando novos tempos, mas precisamos estar atentos para o fato de que tudo vai ser diferente, principalmente para o nosso mundo da tecnologia.

Leia mais...

Verdade
Platão é meu amigo, mas a verdade é mais minha amiga. (Amicus Plato, sed magis amica beritas.)
Atribuído a Aristóteles (384 - 322 a.C.) - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)