Amplificador Lineafi com Entrada para Modulaçao de 2 W (TEL245)

Escrito por Newton C Braga

Este circuito opera na faixa de FM ou VHF e tanto pode operar com uma modulação AM externa como com o sinal já modulado de entrada.

Com 100 mW de entrada obtemos 2 watts de saída o que significa um alcance de dezenas de quilômetros com antena e localização apropriada.

O circuito faz uso de transistores especiais de RF que podem ser substituídos por equivalentes. A alimentação deve vir de fonte de 12 V com excelente filtragem, ou para maior qualidade de sinal, a partir de bateria.

Como excitação pode ser usado um pequeno oscilador ou transmissor para a faixa de FM. A faixa recomendada de operação está entre 50 e 130 MHz.

Lembramos que na faixa de VHF e usada a modulação em amplitude como ocorre na faixa de aviação.

 

MONTAGEM

Na figura 1 temos o diagrama completo do amplificador linear.

 

Figura 1
Figura 1

 

A disposição dos componentes numa placa de circuito impresso é mostrada na figura 2.

 

Figura 2
Figura 2

 

As bobinas para 120 MHz têm as seguintes características:

L1, L9 - 3 espiras de fio 16 em fôrma de 0,8 cm de comprimento e 0,5 cm de diâmetro sem núcleo.

L2, L5 - Choques de ferrite de 450 ohms (microchoques de 47 uH).

L3 - Microchoque de 1,5 uH.

L4 - 4 voltas de fio 16 em forma de 0,6 cm de diâmetro de 2 cm de comprimento.

L6 - 3 voltas de fio 18 com diâmetro de 0,5 cm de 2,0 cm de comprimento.

L7 - 5 voltas de fio 16 em forma com 1 cm de diâmetro e 1,5 cm de comprimento.

Os diodos podem ser 1N4002 ou equivalentes, e o transformador tem secundário de 200 ohms e primário de acordo com a saída do amplificador usado.

Os capacitores são todos cerâmicos mas pra um desempenho melhor os C4 e C7. podem ser do tipo “feed through”.

Os resistores são de 1 /4 watt e os trimmer admitem variações na faixa de operação conforme a disponibilidade do montador. Ligações diretas e curtas são fundamentais para se garantir o bom desempenho deste tipo de projeto.

 

UTILIZAÇÃO

Aplicamos um sinal de pelo menos 100 mW na entrada do circuito e ajustamos todos os trimmers de modo a obter maior intensidade do sinal de saída na frequência de operação.

A antena deve ser apropriada e se for usada modulação externa ela deve vir de um amplificador de 2 a 3 watts de potência ajustando-se o nível de sinal de modo a não haver distorções.

 

Q1, Q2 - 40290 ou 2N3866 - transistor de RF

L1 a L7 - Bobinas - ver texto

T1 - Transformador de modulação - ver texto

C1, C5, CB - 3-30 - trimmers

C2, C6, C9 - 10-50 pF - trimmers

C3, C10 - 3n3 - capacitores cerâmicos

C4, C7 - 1 nF - capacitores feed through

R1 - 220 ohms - resistor (vermelho, vermelho, marrom)

R2 - 180 ohms – (resistor marrom, cinza, marrom)

D1, D2 - 1N4002 - diodos de SÍIICIO (PHILIPS CO PONENTS)

Diversos: placa de circuito impresso, fonte de alimentação, fios, solda, etc.