NOSSAS REDES SOCIAIS -

Monitor de Fonte TTL (ART1847)

O circuito que apresentamos foi sugerido pela National Semiconductor em seu manual de aplicações lineares e consiste num Bargraph para monitoria da tensão de saída de uma fonte de 5 V. São usados 12 LEDs e um integrado LM3914 como base deste simples circuito indicador.

Com o indicador Bargraph descrito, temos a monitoria de tensões na faixa de 4.51 V a 5,41 V, o que corresponde aos mais ou menos 10% de tolerância admitidos para a alimentação de um equipamento TTL.

A alimentação vem do próprio circuito TTL, e inclui-se em D1 uma proteção contra inversão da polaridade da alimentação.

Como o consumo do aparelho é relativamente baixo ele não influi no funcionamento do equipamento TPL, mesmo quando alimentado pela mesma fonte.

Para os LEDs acesos segundo as tensões, temos a tabela abaixo:

 


 

 

Na figura 1 temos o diagrama completo do aparelho.

 

   Figura 1 – Diagrama completo do aparelho
Figura 1 – Diagrama completo do aparelho

 

O circuito integrado LM3914 consiste num bargraph ou indicador de ponto móvel com 10 saídas para LEDs e limitação interna de corrente.

Neste projeto, a referência de tensão é dada pelo divisor ajustável, formado pelos resistores R3, R4, R5 e pelos trimpots P1 e P2, que ajustam os limites da escala.

A tensão de entrada é aplicada através de um divisor formado por R1 e R2 e vem da própria alimentação.

O capacitor C1 é um filtro, e os LEDs podem ser de diversas cores.

Podemos, por exemplo, deixar um LED verde para a tensão exata de 5 V (LED5) e de outras cores para os demais.

Na figura 2 temos a placa de circuito impresso para esta montagem.

 

   Placa de circuito impresso para a montagem
Placa de circuito impresso para a montagem

 

 

Os LEDs devem ser montados de modo a permitir seu encaixe num painel, com os terminais mais longos.

Para ajustar o aparelho, aplique 5,41 V e ajuste P2 até que os LEDs 9 e 10 acendam com o mesmo brilho.

Depois, aplique 4,5 V na entrada e ajuste P1 para que o LED¡ fique na iminência de acendimento.

Depois disso é só fazer a instalação definitiva do aparelho no circuito TITL a ser monitorado e usá-lo.

Se houver dificuldade nos ajustes, R3 e R5 podem ser alterados.

 

Semicondutores:

CI1 - LM39A14 - circuito integrado National

LED1 a LED10 - LEDs comuns -ver texto

D1 - 1N4002 - diodo de silício

 

Resistores (1/8 W, 5%):

R1 – 20 k ohms

R2 – 10 k ohms

R3 – 330 ohms

R4 – 1 k ohms

R5 – 220 ohms

P1 – 100 ohms – trimpot

P2 – 470 ohms – trimpot

C1 – 4,7 uF – eletrolítico

 

Diversos:

Placa de circuito impresso, fios, solda, etc.

 

BUSCAR DATASHEET

 


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

 

Opinião

Novembro chegando (OP197)

Novembro é o mês de encerramento das aulas e com isso, diferentemente do que muitos pensam, as atividades estudantis não terminam. Alguns curtirão suas férias, mas outros ficam para exames e mais ainda, precisam terminar seus TCCs.

Leia mais...

Jornais
Para aparecerem nos jornais, há assassinos que assassinam.
Eça de Queiroz (1845 1900) - A Correspondência de Fradique Mendes - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)