O Site do Hardware Livre - OSHW

Estroboscópica Simplificada (ART1539)

Os sistemas estroboscópicos usados em bailes, decoração e eventos utilizam lâmpadas de xenônio. Podemos montar uma versão econômica com uma lâmpada incandescente comum para algumas aplicações mais simples. É justamente a construção desta lâmpada que descrevemos neste artigo.

Os pulsos rápidos de uma lâmpada de xenônio têm efeitos bastante fortes em festas, eventos, vitrines, etc.

No entanto, as lâmpadas de xenônio são mais caras e seus circuitos de acionamento mais complexos.

Descrevemos uma solução alternativa simples que faz uso de uma lâmpada incandescente comum e que pode ser montada numa caixinha como a mostrada na figura 1.

 

   Figura 1 – Sugestão de montagem
Figura 1 – Sugestão de montagem

 

As lâmpadas podem ser de 5 a 100 W e o circuito produz piscadas que podem ser ajustadas numa faixa de menos de 1 por segundo a perto de 5 por segundo.

A inércia do filamento das lâmpadas incandescente comuns dificulta a aplicação do circuito em frequências mais altas.

O circuito funciona tanto na rede de 110 V como 220 V e não devem ser utilizadas lâmpadas de outros tipos.

 

Como Funciona

A base do projeto é um oscilador de relaxação que faz uso de uma lâmpada neon.

A configuração básica deste circuito é mostrada na figura 2.

 

   Figura 2 – Oscilador de relaxação com lâmpada neon
Figura 2 – Oscilador de relaxação com lâmpada neon

 

Neste circuito, o capacitor carrega-se lentamente através do resistor até ser atingida a tensão de disparo da lâmpada, em torno de 80 V.

Neste ponto, a lâmpada conduz intensamente a corrente e com isso o capacitor descarrega-se.

Descarga ocorre até um valor denominado tensão de manutenção, quando então a lâmpada deixa de conduzir e o capacitor volta a se carregar.

Desta forma, enquanto houver alimentação, o capacitor passar por ciclos de carga e descarga, produzindo um sinal cuja forma de onda é dente de serra, conforme mostramos na figura.

Com valores apropriados de componentes, podemos produzir pulsos que são levados a um SCR que tem por carga a lâmpada.

Ocorre, entretanto que o SCR é um dispositivo que controla apenas a corrente num sentido.

Para termos o controle dos dois ciclos da tensão da rede de energia precisamos de um circuito adicional que consiste numa ponte de diodos ou ponte de Graetz.

Temos então o circuito de controle para a lâmpada mostrado na figura 3.

 

Figura 3 – O circuito de controle
Figura 3 – O circuito de controle

 

Ligando então o oscilador de relaxação do SCR neste circuito, teremos pulsos de curta duração aplicados à lâmpada que a farão piscar na frequência desejada.

O tipo de circuito apresentado só funciona com lâmpadas incandescentes.

Não devem ser utilizados outros tipos de lâmpada.

 

Montagem

Na figura 4 temos o circuito completo do aparelho.

 

   Figura 4 – Circuito completo
Figura 4 – Circuito completo

 

Como são usados poucos componentes, a montagem pode ser realizada numa pequena ponte de terminais, conforme mostra a figura 5.

 

Figura 5 – Montagem em ponte de terminais
Figura 5 – Montagem em ponte de terminais

 

O SCR tem sufixo B ou D se a rede for de 110 V e sufixo D se a rede for de 220 V.

Este componente deve ser dotado de um pequeno radiador de calor que consiste numa chapinha metálica parafusada em seu invólucro.

A lâmpada neon é comum e os resistores de 1/8 W.

 

Prova e Uso

Basta ligar o aparelho à rede de energia e verificar se as piscadas ocorrem na frequência desejada.

Desejando um controle de frequência, ligue em série cm R1 um potenciômetro de 100 k.

Para modificar a frequência das piscadas, altere R1 e se quiser mudar a duração, altere R2.

Instale aparelho em caixa de plástico ou metal, pois estando ligado à rede de energia não deve ficar com partes expostas.

 

SCR – TIC106B ou D – ver texto

D1 – 1N4004 (110 V) ou 1N4007 (220 V) – diodo retificador

NE-1 – Lâmpada neon NE-2H ou equivalente

X1 – 5 100 W – lâmpada incandescente

R1 – 100 k Ω x 1/8 W – resistor – marrom, preto, amarelo

R2 – 47 k Ω x 1/8 W – resistor – amarelo, violeta, laranja

R3 – 10 k Ω x 1/8 W – resistor – marrom, preto, laranja

C1 – 220 nF – capacitor de poliéster par 100 V ou mais

Diversos:

Ponte de terminais, cabo de força, soquete para a lâmpada, fios, solda, etc.

 

 

 

BUSCAR DATASHEET


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Opinião

Mês de Muito Trabalho (OP197)

   Estamos em setembro de 2018 e continuamos com nosso trabalho, realizando palestras, viagens, escrevendo artigos, livros e muito mais. Em nossas duas últimas palestras, uma na Uninove e a outra na ETEC Albert Einstein, ambas de São Paulo, pudemos constatar de forma bastante acentuada um fato importante , que constantemente salientamos em nosso site desde seu início. 

Leia mais...

Dizer
Quando nada tens a dizer, não digas nada (When you have nothing to say, say nothing.)
Charles Caleb Colton - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)