O Site do Hardware Livre - OSHW

Stranger Things – Não tão estranhas assim (PN047)

Em nossa seção de eletrônica paranormal, em nossos livros, em nossas palestras e mesmo como resultado de nossas pesquisas nos últimos 60 anos temos abordados os chamados temas paranormais de um ângulo um pouco diferente: o que emprega a tecnologia como foco dos trabalhos. O resultado disso pode ser visto em livros nossos como “Electronic Projects from tne Next Dimension” (Projetos Eletrônicos da Outra Dimensão) que ganho o prêmio de livro mais original do ano da revista Anomalyst da Inglaterra. O livro tem uma versão em português que está sendo atualizado. Mas o importante é que o tema, mais do que nunca está em alta com o filme Stranger Things e é desse tema que trataremos neste artigo.

Esta pequena introdução ao tema não diz tudo que já fizemos, que estamos fazendo e que pretendemos fazer em termos de pesquisa de fenômenos paranormais usando a eletrônica.

No prefácio de nosso livro Electronic Projects from de Next Dimension usamos uma frase de Skakespeare que pode dar uma ideia ao leitor da extensão do tema. “There are more things in heaven and Earth, Horatio Than are dreamt of in your philosophy” (Existem mais coisas entre o céu e a terra do que pode imaginar a nossa vã filosofia)

Se bem que as tentativas de se usar a tecnologia no desvendamento dos denominados fenômenos paranormais, o que está ocorrendo mostra um fato interessante. Muita coisa que antes julgava-se ser do mundo do improvável, algo que a ciência não aceitava por não ser acreditar no que ocorria, com o tempo mais e mais fenômenos foram sendo explicado e a tecnologia até passou a fazer uso de diversos deles.

Já no advento do rádio, pesquisadores como Marconi e Edison acreditavam que essa descoberta poderia ser usada para uma “comunicação com os espíritos” e isso deu origem ao que hoje se denomina ITC (Instrumental Transcommunication ou Transcomunicação Instrumental).

Usando equipamentos eletrônicos como rádios e gravadores, pesquisadores começaram a gravar vozes estranhas cuja origem não está ainda bem definida.

Também podemos citar os fenômenos ligados a radiestesia, telecinese, telepatia e outros que, ao que parece estão entrando numa nova era com o advento de tecnologias eletrônicas, principalmente dos sensores.

A lenda de que empunhando uma forquilha era possível encontrar jazidas de água hoje não só é explicada pela ciência como usada como fato real. O que ocorre é que caminhando com uma forquilha sobre um reservatório de água, a água por ter densidade menor que o solo vizinho afeta o campo gravitacional da terra no local (figura 1).

 


 

 

Em outras palavras, se a forquilha for delicadamente equilibrada na mão de um operador sensível, sua passagem pelo local detecta na forma de uma pequena oscilação ou vibração a diferença de gravidade e ele pode então dizer que no local há água, ou algum tipo de minério. Não é uma sensibilidade paranormal, mas sim um fato explicado pela física.

Hoje, aviões carregando sensores gravimétricos (sensores inerciais) sobrevoam o mar e a terra podendo detectar as pequenas variações de gravidade e detectar jazidos de petróleo sob o mar ou terra ou ainda de minérios.

 

 

 

Figura 2  - O Gravímetro - A posição do corpo preso à mola muda, conforme a gravidade do local se altera na presença de grandes massas de minérios ou água com maior ou menor densidade.
Figura 2 - O Gravímetro - A posição do corpo preso à mola muda, conforme a gravidade do local se altera na presença de grandes massas de minérios ou água com maior ou menor densidade.

 

 

Mas, a tecnologia pode ainda reservar surpresas como já escrevemos no nosso artigo “Fantasmas na Internet” (PN009) quando relatamos um fenômeno de transcomunicação que teria ocorrido com uma “mensagem” se propagando através da internet.

No fenômeno, uma mensagem de uma outra dimensão seria levada através da internet a um computador e a uma impressora, sendo impressa sem a intervenção humana.

Se analisarmos o fenômeno da convergência, onde a tecnologia cada vez se integra com os seres vivos, especificamente os humanos, entrando não apenas em seu corpo, mas cada vez mais em sua mente, e que temos ainda o aparecimento de fenômenos que envolvem a física quântica, temas abordado em filmes como “The Grass Harph, Art of Peace”, Spirit, Listen além de livros, vemos que o paranormal cada vez mais se aproxima do normal.

O filme Stranger Things abre uma nova dimensão para pesquisas que os adeptos do assunto pode implementar com o uso de equipamentos de alta tecnologia.

No filme uma entidade de outra dimensão usa uma interface digital para enviar mensagens escritas num painel com letras, pulsando-as como num painel de LEDs. Na verdade, fazer um painel como esse é relativamente (temos no site até um artigo que o descreve – monta-se um painel acionado a distância pela internet usando um celular).

O problema maior, e isso seria muito interessante, estaria na possibilidade de se mudar a interface com o celular e partir para outras dimensões fazendo contato com entidades desconhecidas.

Da mesma forma que o ruído branco pode modular sinais sonoros e aparecer em gravações ou transmissões de rádio analógica, quem sabe um ruído digital não poderia levar ao aparecimento de mensagens de outras dimensões num painel ou num display de TV de LEDs.

E a física quântica que já está revelando estranhos fenômenos em estruturas de nosso cérebro que fariam a computação quântica no nível das sinapses não poderia ser usada para acionar tais painéis com a obtenção de mensagens que estariam em outras dimensões. São tantas as especulações que mostram uma ideia embutida numa frase de Pascal que conheço de meus tempos de estudante: “quanto mais aumenta a esfera de nosso conhecimento, maior se torna sua superfície de contato com o desconhecido”.(figura 3)

 

O aumento do conhecimento é como uma esfera dilatando-se no espaço: quanto maior a nossa compreensão, maior o nosso contato com o desconhecido. - Blaise Pascal
O aumento do conhecimento é como uma esfera dilatando-se no espaço: quanto maior a nossa compreensão, maior o nosso contato com o desconhecido. - Blaise Pascal

 

Quem se habilita? Está aí a proposta e as coisas estranhas (Strangers Things) podem em breve não ser mais estranhas. Estou aguardando o projeto de algum leitor que tenha descoberto algo.

 

BUSCAR DATASHEET

 


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

 

Opinião

As Atividades do Momento (OP193)

Tivemos duas semanas cheias com lançamentos de livros, eventos, entrevistas e encontros importantes que certamente reverterão em benefícios para aqueles que nos acompanham, tanto no nosso site como em nosso canal de vídeo. Começamos pela entrevista dada ao Luis Carlos Burgos do site Burgos Eletrônica em que falamos um pouco de nossa vida profissional e de nossas pretensões para o futuro.

Leia mais...

Luz
A luz, buscando a luz, desvia a luz da luz. (Light seeking light doth light of light beguille.)
Shakespeare (1564 1616) Trabalhos de Amor Perdidos Ato I - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)