Driver para diodo LASER (ART870)

O circuito apresentado foi proposto pela Texas Instruments (www.ti.com), tendo por finalidade excitar um diodo LASER com pulsos (PWM) de alta qualidade, com corrente constante e um nível muito baixo de ruído. (2007)

Nesse circuito é utilizado um amplificador operacional alimentado por fonte simétrica de 5 V, enquanto a excitação do diodo LASER é feita por um transistor NPN a partir de fonte separada de 3,3 V.

O amplificador operacional escolhido, OPA227, é um tipo especial com um nível de ruído muito baixo, empregando transistores bipolares.

A corrente no diodo LASER é sensoriada através do resistor Rshunt que realimenta o circuito através da entrada inversora. Para esse circuito, temos a relação entre a corrente no diodo LASER com a tensão de entrada dada pelo gráfico da figura 1.

Observe que o transistor Q1 dissipa 1,5 W com uma corrente de saída de 1 A quando alimentado por uma tensão de 3,3 V. Essa dissipação está de acordo com as características do transistor usado (FTZ851) que é apresentado em invólucro SOT-223.

A dissipação de calor desse transistor é feita sem a ajuda de dissipador, utilizando-se em seu lugar as linhas de cobre da placa de circuito impresso.

 


 

O circuito do excitador é mostrado na figura 2.

 


 

Nesse circuito os capacitores "by pass" não são mostrados, mas devem ser incluídos. O amplificador operacional também pode ser alimentado com tensões maiores, chegando a 15+15 V.


União
As nossas necessidades nos unem, mas as nossas opiniões nos separam.
Marquês de Maricá (1773 - 1848) - Máximas - Ver mais frases

Instituto Newton C Braga - 2014 - Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site
Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)