O Site do Hardware Livre - OSHW

Repetidor AM (ART513)

Este aparelho permite retransmitir o som de um equipamento fixo através de uma parede para o quarto adjacente usando como receptor um rádio AM e uma caixa amplificada ou ainda um outro aparelho de som que sintonize a faixa de AM. Trata-se de recurso ideal para o caso da passagem de fios por uma parede para um alto-falante em outra sala se tornar problemática. O alcance é de alguns metros.

Uma situação comum que pode ocorre é a de se desejar transmitir o som de um equipamento fixo para uma sala adjacente, apartamento vizinho ou mesmo através de uma parede, mas sem a utilização de fios.

O projeto que apresentamos permite transmitir o som através de paredes usando um receptor de AM comum ou qualquer aparelho de som que tenha a faixa de AM, conforme mostra a figura 1.

 

O transmissor emiti sinais através da faixa AM.
O transmissor emiti sinais através da faixa AM.

 

Ligado na saída de som do equipamento ou em paralelo com o alto-falante, este pequeno transmissor de baixa potência transmite os sinais através de uma parede. Como não se necessita de muito alcance para esta aplicação usamos um circuito de baixa potência que pode emitir sinais a uma distância de até aproximadamente 5 metros.

Com isso, é possível compartilhar seu som com seu amigo do apartamento ao lado ou passar de um quarto para outro.

Na figura 2 temos uma situação interessante que é a de você ouvir seu CD predileto colocado no som da sala enquanto você o capta no som de seu radinho em seu quarto.

 

Transmitindo o som de um cômodo a outro.
Transmitindo o som de um cômodo a outro.

 

O som do alto-falante da sala pode ser cortado e você ouve sozinho, sem incomodar as outras pessoas, principalmente se você costumar fazer isso altas horas da noite.

Observamos, entretanto que, apesar da excelente fidelidade do sinal transmitido, a faixa de AM não permite transmissão estéreo, assim o sinal captado é monofônico.

 

Como Funciona

O que temos é simplesmente um oscilador Hartley que opera entre 550 e 1600 kHz com base num transistor NPN de média potência.

A bobina L1, em conjunto com C, determina a freqüência de operação do circuito. Deve ser escolhida uma freqüência livre da faixa de AM em que o nível de ruídos e interferências seja mais baixo.

Nas grandes cidades, onde a faixa de AM é bastante ocupada, encontrar um ponto livre para operação do transmissor pode exigir um pouco de paciência.

A modulação é aplicada no emissor do transistor, já que sempre uma fonte de baixa impedância é usada. O resistor R3 é importante para servir de carga para o equipamento de som quando seu alto-falante for desligado. Sem ele podem ocorrer fortes distorções.

A realimentação que mantém o circuito em oscilação é proporcionada pelo capacitor C1 e pelo resistor R1. Dependendo do ganho do transistor o leitor pode fazer alterações no valor de R1 de modo a melhorar o alcance e obter uma transmissão sem distorções.

 

Montagem

Na figura 3 temos o diagrama completo do retransmissor de AM.

 

Diagrama completo do retransmissor de AM.
Diagrama completo do retransmissor de AM.

 

A placa de circuito impresso para implementação desta montagem é mostrada na figura 4.

 

A placa de circuito impresso do repetidor.
A placa de circuito impresso do repetidor.

 

O circuito pode ser alimentado por 4 pilhas médias comuns, no entanto para maior economia pode ser usada a fonte mostrada na figura 5.

 

Sugestão de fonte para o repetidor.
Sugestão de fonte para o repetidor.

 

O transistor Q1 deve ser dotado de um radiador de calor e a bobina deve ser enrolada pelo próprio leitor. L1 consta de 50 + 50 espiras de fio esmaltado AWG 26 ou 28 num bastão de ferrite de 12 a 18 cm de comprimento e de 0,8 a 1,2 cm de diâmetro. L2 é formada por 15 espiras do mesmo fio sobre L1.

Os capacitores variáveis podem ser retirados de qualquer rádio AM comum fora de uso. Veja que deve ser usada a seção do capacitor de maior capacitância se o rádio for de duas faixas. Se usarmos a secção de FM a faixa de sintonia ficará mais estreita dificultando o ajuste.

Os capacitores de menor valor devem ser cerâmicos e a conexão ao equipamento de áudio pode ser feita através de dois fios com garras na ponta ou pinos para encaixar junto ao alto-falante.

O conjunto cabe numa pequena caixa de plástico ou madeira e a antena consiste num pedaço de fio de 1 ou 2 metros de comprimento que deve ser colocado junto à parede, conforme mostra a figura 6.

 

Sugestão de montagem.
Sugestão de montagem.

 

 

Prova e Uso

Para provar o aparelho ligue na entrada de áudio do transmissor a saída de fone de um equipamento de som, conforme mostra a figura 7.

 

Fazendo a ligação com o equipamento de som e a fonte.
Fazendo a ligação com o equipamento de som e a fonte.

 

Veja que deve ser feita uma adaptação no plugue usado para transformar o sinal estéreo em mono, o que é necessário para esta modalidade de transmissão.

Ligue o aparelho de som, o transmissor e, nas proximidades, um pequeno receptor AM ou aparelho de som que tenha a faixa de AM de 550 a 1600 kHz.

Coloque inicialmente o aparelho que serve como fonte de sinal num volume de 1/3 do máximo com uma música ou outro programa em ação.

Ajuste então o receptor para uma freqüência livre na faixa de AM, preferivelmente entre 800 kHz e 1000 kHz. Depois, atue sobre o capacitor variável do transmissor até captar este sinal.

Ajuste depois CV2 para obter maior alcance. CV2 é interessante se uma antena maior for usada quando o aparelho pode ser usado como uma estação AM experimental.

Se houver distorção, ajuste o volume do som do aparelho que serve como fonte de sinal até que o sinal obtido seja puro.

Comprovado o funcionamento é só instalar o transmissor perto do equipamento de som. Ele pode ser ligado na sua saída de fones como indicamos no teste ou em paralelo com um dos alto-falantes, conforme mostra a figura 8.

 

Após conectar o repetidor, um teste deve ser feito com um alto-falante.
Após conectar o repetidor, um teste deve ser feito com um alto-falante.

 

 

Semicondutores:

Q1 - BD135, BD137 ou BD139 - transistor NPN de média potência

 

Resistores: (5%)

R1 - 1 k ? x 1/8 W - marrom, preto, vermelho

R2 - 22 ? x 1 W - vermelho, vermelho, preto

R3 - 10 ? x 2 W - marrom, preto, preto

 

Capacitores:

C1 - 10 nF - cerâmico

C2 - 47 nF - cerâmico

C3 - 10 µF x 12 V - eletrolítico

C4 - 100 nF - cerâmico

CV1, CV2 - variáveis - ver texto

 

Diversos:

L1, L2 - Bobinas - ver texto

Placa de circuito impresso, fonte de alimentação ou 4 pilhas médias, fios, solda, etc.

 

FONTE

T1 - Transformador com primário conforme a rede de energia e secundário de 6 + 6 V ou 9 + 9 V x 500 mA

D1, D2 - 1N4002 - diodos retificadores

C1 - 1 000 µF x 16 V - capacitor eletrolítico

Diversos:

Cabo de força, placa de circuito impresso ou ponte de terminais, fios, solda, etc.

 

Opinião

Mudanças e Eventos (OP174)

Os internautas que navegam de forma mais frequente em nosso site devem estar notando as mudanças. Uma nova apresentação, uma nova organização do conteúdo e muito mais. Muitas coisas novas estarão sendo levadas a todos que nos acessam. Depois de vários anos apenas inserindo conteúdo, sua quantidade aumentou muito e muitas coisas mudaram em termos de tecnologia de internet. Temos de acompanhar.

Leia mais...

BUSCA DATASHEET

N° do componente->   (Como usar este quadro de busca)


Prolongar
Prolongai a vida humana somente se fordes capazes de reduzir-lhes as misérias.
Stanislaw Jerzy (1909 - 1966) - Mais Idéias Mal Penteadas - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)