Transmissor de ondas curtas (ART445)

Publicamos este artigo em 1996, mas ele ainda é atual. Sendo muito simples, é indicado como montagem para cursos básicos de eletrônica, introdução à tecnologia nos cursos de nível fundamental e médio e também como trabalho escolar.
A finalidade deste transmissor é emitir sinais de ádio na faixa de 7 a 30 MHz. Seu alcance depende tanto das características da antena como tambémda sensibilidade do receptor. O alcance poderá até ser maior do que 100 metros como o uso de um receptor sensível e uma antena  apropriada.

A alimentação do circuito é feita a partir de tensões de 6 a 9 V obtidas tanto de pilhas médias e grandes como de fonte. O uso de bateria de  9V não é indicado já que o elevado consumo do circuito facria com que durassem muito pouco.

O circuito é modulado pela vóz através de um microfone de eletreto.

A bobina L1 determina a faixa de frequências de operação, conforme mostraremos mais adiante.

Na figura 1 temos o diagrama completo do transmissor.

 

Diagrama completo do transmissor de ondas curtas.
Diagrama completo do transmissor de ondas curtas.

 M

A disposição dos componentes numa ponte de terminais isolados é mostrada na figura 8.

 

Montagem na ponte de terminais de ondas curtas.
Montagem na ponte de terminais de ondas curtas.

 

Procure manter as conexões curtas para obter maior estabilidade de funcionamento. É claro que o leitor pode fazer a montagem em placa de circuito impresso obtendo assim uma versão mais compacta para uso portátil.

As bobinas são enroladas num bastão de ferrite de aproximadamente 10 cm de comprimento e 1 cm de diâmetro com fio esmaltado 28 ou mais grosso e tem as seguintes características:

 

Faixa (MHz) 7 a 10 / L1 (espiras)= 20 / L2 (espiras)= 6

 

Faixa (MHz) 10 a 15 / L1 (espiras) = 15 / L2 (espiras) = 5


Faixa (MHz) 15 a 20 / L1 (espiras) = 12 / L2 (espiras) = 4


Faixa (MHz) 20 a 30 / L1 (espiras) = 11 / L2 (espiras) = 3

 

O capacitor de sintonia CV pode ser qualquer trimmer de 30 a 50 pF de capacitância máxima ou ainda um variável de até 120 pF, caso em que obtemos uma faixa de ajuste maior. Este componente influi na faixa que o transmissor pode alcançar e conforme o tipo usado por cada montador podem ser necessárias alterações no número de espiras de L1 de modo a se alcançar a frequência desejada.

Os resistores são todos de 1/8 W com 5% ou mais de tolerância e os capacitores, com exceção de C1 e C2 são todos cerâmicos. C1 e C2 devem ser eletrolíticos com uma tensão de trabalho de 12 V ou mais.

Os transistores admitem equivalentes. Para Q1 podemos usar os tipos BC547 e BC549 e até BC237. Para Q2 os tipos BD137 e BD139 funcionam perfeitamente devendo, entretanto usar um pequeno radiador de calor.

O microfone é do tipo de eletreto de dois terminais e sua polaridade precisa ser observada para que ele funcione.

Para o caso de uma antena telescópica o ponto T é ligado ao negativo da pilha ou alimentação, e A a esta antena que deve ter pelo menos 80 cm de comprimento.

Para uma antena externa usa-se um cabo coaxial de 75 ? com a malha ligada ao ponto T.

Para provar o aparelho proceda da seguinte forma:

Sintonize um receptor de ondas curtas nas proximidades, na faixa que pretende operar. Ajuste CV até captar o sinal mais forte. Fale diante do microfone para verificar a modulação. Se ocorrer apito (microfonia) afaste o transmissor do receptor.

Comprovado o funcionamento é só fazer uso do transmissor.

 


Semicondutores:

Q1 - BC548 ou equivalente - transistor NPN de uso geral

Q2 - BD135 ou equivalente - transistor NPN de média potência


Resistores: (1/8W, 5%)

R1, R4 - 10 k ? (marrom, preto, laranja)

R2 - 1 M ? (marrom, preto, verde)

R3 - 22 k ? (vermelho, vermelho, laranja)

R5 - 6,8 k ? (azul, cinza, vermelho)

R6 - 47 ? (amarelo, violeta, preto)


Capacitores:

C1, C2 - 10 µF/12V - eletrolíticos

C3 - 47 nF - cerâmico

C4 - 100 pF - cerâmico

C5 - 100 nF - cerâmico

CV - variável ou trimmer - ver texto


Diversos:

MIC - microfone de eletreto

L1/L2 - Bobinas - ver texto

Ponte de terminais, radiador de calor para Q2, bastão de ferrite, terminais antena/terra, fios, caixa para montagem, suporte para 4 ou 6 pilhas médias ou grandes, fios, antena externa ou telescópica, solda, etc.

 

 

 

DATASHEET

Digite o número do componente para localizar o Datasheet

mouser

Como usar este quadro de busca


Amigo
O amigo certo se reconhece numa situação incerta. (Amicus certus in re incerta cernitur.)
Cícero (106 - 43 a.C.) - Da Amizade - Ver mais frases

Instituto Newton C Braga - 2014 - Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site
Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)