O Site do Hardware Livre - OSHW

Rumo ao carro sem manutenção (ART1197)

As novas tecnologias aplicadas aos veículos automotores podem levar ao que hoje já temos na eletrônica: equipamentos descartáveis sem a necessidade de manutenção. Veja neste artigo como no futuro vai ser possível comprar um carro que não precisa de combustível ou manutenção por toda sua vida útil. (2012)

Antigamente quando adquiríamos um televisor estávamos preparados para as visitas de manutenção ao técnico depois de alguns meses de uso, sempre precisando de um reparo, um ajuste ou algo mais. Os aparelhos eram fabricados para necessitarem de manutenção constante.

Hoje isso já mudou na indústria eletrônica, pois compramos um equipamento para esquecermos durante o período de garantia e depois disso, normalmente na primeira quebra compramos um de tecnologia mais nova. As oficinas de reparação que ainda sobrevivem à custa dos equipamentos anteriores a esta tecnologia passam por apuros.

Essa idéia está cada vez mais passando para a indústria automotiva, com a possibilidade de termos o veículo descartável livre de manutenção.

Você compra seu carro com combustível e tudo mais para que ele rode sem a necessidade de manutenção ou entrada em postos de combustível por anos, e quando passar esse tempo você tem duas possibilidade: revisa ou troca.


Como isso pode ser feito

Existem componentes do carro que precisam de verificação, reposição ou troca constante como o óleo, fluídos de freio, água do radiador, ar dos pneus e, evidentemente o combustível. Se eliminarmos essa necessidade o problema da manutenção acaba.

O primeiro passo já foi dado com a criação de óleos lubrificantes de grande autonomia. Além dos 10 mil quilômetros, que são os comuns, existem tipos que podem rodar por até 80 mil quilômetros o que pode significar a vida útil de um carro por vários anos.

Um carro desse tipo não precisaria de trocas de óleo, pois quando ela estivesse próxima, já seria o momento de trocar de carro. Uma preocupação a menos para o proprietário!

A troca de vela já está sendo analisada com a substituição pelos tipos a laser, que não possuindo contatos não teriam desgastes. Neste tipo de vela um pulso de laser de alta potência seria o responsável pela ignição da mistura no interior do cilindro do carro. A troca de velas de tempos em tempo não existiria mais, isso se o carro ainda utilizar a gasolina, gás ou álcool como combustível.

Diversas tecnologias têm sido estudadas para se substituir o modo de propulsão dos veículos eliminando o motor de combustão interna, que queima álcool, gasolina ou gás.

O carro elétrico e a célula a combustível utilizando gás são algumas alternativas, mas existe algo que ainda pode vir e que a tecnologia está procurando há muitos anos sem conseguir: a fusão a frio do hidrogênio.

 

Tecnologia da célula a combustível - o combustível hidrogênio (H2) seria disponível na forma de refil.
Tecnologia da célula a combustível - o combustível hidrogênio (H2) seria disponível na forma de refil.

 

Seria o "sol dentro de seu carro", pois é o mesmo processo que o sol utiliza para gerar a energia que manda para a terra na forma principal de luz e calor.

Quando dois ou três prótons se unem para formar um átomo de hidrogênio pesado (deutério ou trítio) e depois estes núcleos de deutério se unem para formar um núcleo do átomo de hélio, uma enorme quantidade de energia é liberada e isso de forma limpa, sem resíduos ou radiação perigosa. Essa energia na forma de luz e calor é a que o sol nos envia há bilhões de anos e o fará muitos outros ainda.

 

 A fusão do hidrogênio - as esfera vermelhas são prótons e as azuis são neutrons
A fusão do hidrogênio - as esfera vermelhas são prótons e as azuis são neutrons

 

No entanto, para fazer isso o sol precisa de uma pressão de milhões de atmosferas e uma temperatura de dezenas de milhões de graus. Não existe nenhum recipiente que aquente isso aqui na terra.

Os cientistas, entretanto, acreditam que a fusão do hidrogênio produzindo hélio e liberando energia pode ser feita numa temperatura muito mais baixa, capaz de ser obtida com facilidade por meios comuns aqui na terra.

Se isso for conseguido teremos uma fonte inesgotável (quase) de energia. Um pequeno frasco de hidrogênio pode produzir energia para iluminar uma cidade ou movimentar um carro por toda a sua vida, pois o rendimento dessa fonte é fabuloso.

No carro do futuro, com fusão a frio haveria um pequeno reservatório de hidrogênio, talvez menos de 1 litro, que conteria todo o combustível para sua vida útil de vários anos. Não existiria mais o posto de abastecimento...

E, finalmente como a fusão do hidrogênio produziria diretamente eletricidade para um motor elétrico não haveria água de radiador e nem outros elementos que necessitassem de substituição ou verificação em curtos períodos de tempo.

Mesmo porque as verificações seriam computadorizadas, o próprio veículo se encarregaria de saber se precisa de algo.

Saia e dirija... Esqueça o resto.

 

BUSCAR DATASHEET


N° do componente 

(Como usar este quadro de busca)

Opinião

Mês de Muito Trabalho (OP197)

   Estamos em setembro de 2018 e continuamos com nosso trabalho, realizando palestras, viagens, escrevendo artigos, livros e muito mais. Em nossas duas últimas palestras, uma na Uninove e a outra na ETEC Albert Einstein, ambas de São Paulo, pudemos constatar de forma bastante acentuada um fato importante , que constantemente salientamos em nosso site desde seu início. 

Leia mais...

Texto
Não se cria nada com um texto que se compreende com demasiada exatidão. (No se crea nada com um texto que se comprende demasiado exatamente.)
Unamundo (1864 1937) Solilíquios e Conversaçes - Ver mais frases


Instituto Newton C Braga
Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site

Apoio Social
Lions Clube de Guarulhos Sul SOS Mater Amabilis
Advertise in Brazil
If your business is Electronics, components or devices, this site is the correct place to insert your advertisement (see more)